sábado, 9 de agosto de 2014

Diário - um novo desabafo



"-Oi Fulano e aí tudo bem?
Eu:- Tudo e com você? Ainda namorando a Ciclana? - tinha poucos meses que não via o Fulano
-Não a gente terminou.
Eu:-Poxa...
-Mas eu já tô namorando com a Beltrana.
Eu- Ah só ."
Eu acho incrível como as pessoas conseguem namorar tão "fácil" ...eu definitivamente não tenho essa sorte , o meu único quase relacionamento a guria tinha namorado (isso foi uma falha de caráter,confesso,mas eu estava tipo:"matando cachorro a grito" ela foi a 1° e única garota com quem fiquei) e tava sentindo a ausência do namorado dela e viu em mim um : fofo,romântico,carente e fácil de ser manipulado ...voilá - virei step- sem contar que eu era novidade pra ela -trans* o que é isso? nunca ouvi falar ,que interessante- eu era a novidade e pra alguém que adora novidade era um prato cheio,mas como todo brinquedo novo você uma hora cansa de brincar e põe o brinquedo de lado e foi o que aconteceu comigo fui reduzido a " eu só vejo você como amigo" e ponto final.
Também né eu imagino que as pessoas me veem e não entendem nada  "eu sou um homem trans* heterossexual" soa tão simples pra mim,mas pra algumas pessoas mesmo que eu tente explicar mil vezes vão dizer "ah é lésbica né?" ,fora do núcleo familiar já é difícil de entenderem, dentro dele então já sofri agressões físicas e verbais.
De resto, o fato de que eu não tenho "papo",não sou bonito e ainda sou pre-t piora tudo em 1000%.
E meus amigos não percebendo que eu não gosto de ser "for ever alone" ,ou fingindo que não percebem, ainda me chamam pra ir pra programas de casal acho que só pra fazer gozação com a minha cara.

No mais ,nada mais, essa postagem já perdeu o foco :| ,só queria me expressar um pouco.

Boa noite!




sábado, 21 de junho de 2014